Logo Blog Mamãe Vai Fazer

Costa Leste dos EUA: Parque Sesame Place


Como alguns de vocês já sabem, por termos parentes e amigos na região, já fomos duas vezes à costa leste dos EUA, por ali pela Pensilvânia, Nova Jersey e Nova York.

Sempre que vamos visitar o meu irmão por lá, inserimos na programação um passeio (ou todos???) para criança. Da vez passada fomos a fábrica da Crayola (Crayola Experience, em Easton/PA), que devo até hoje um post, mas dessa vez fomos ao Parque do Vila Sésamo (Sesame Place, Langhorne/PA).

A escolha não poderia ter sido mais acertada: Malu amou, curtiu cada brinquedo, tirou foto com quase todos os personagens, além de ter tido sua primeira experiência em uma montanha-russa.
Nós chegamos de carro, pois ficava MUITO pertinho da casa do meu irmão, mas quem está em cidades próximas como Filadélfia, Atlantic City, ou mesmo Nova York, dá pra ir de trem e ônibus (NJ TRANSIT e SEPTA), no Site do parque tem todas as informações de como chegar lá desta maneira.


O Vila Sesamo brasileiro é um pouco diferente do americano, mas a essência é praticamente a mesma, apesar do nome de alguns personagens ser um pouco diferente.


Sabendo que iríamos, já mostrava pra Malu a série, que passa diariamente no canal pago Ratimbum, e acho que também na TV Cultura.

Ainda que os personagens tenham nomes diferentes, e que falem inglês, olhos brilhando ao chegar perto dos bonecos e ao vê-los nos 2 shows gratuitos que temos acesso com o ingresso, além da grande Parada no fim da tarde valeu cada centavo e cada gota de suor pra alegrar nossa pequena.


Quem for no verão vai poder aproveitar a parte aquática do parque, que infelizmente iria abrir no dia seguinte ao que fomos. Mesmo assim, para a idade de Malu, acho que as atrações disponíveis foram suficientes.


Ela aproveitou bastante os brinquedos livres (que não precisam de fila para brincar), mas, definitivamente, a montanha-russa foi um evento a parte. Foi ao todo 4 vezes, inclusive na cadeira da frente. Ficou chateada porque não deixaram ela ir em um brinquedo por causa da altura, o que me faz reforçar a minha opinião de que, Disney, só daqui ha uns 3 anos…


Se você for, compre os ingressos pela internet (tem um bom desconto!). Não compramos e pagamos o valor cheio, mas em compensação dava acesso ao parque por 2 dias. Como tínhamos tempo, fomos em um sábado e voltamos na sexta seguinte, o que vale ressaltar, vale bem mais a pena ir durante a semana, pois na sexta as filas quase não existiam e Malu pode aproveitar bem mais.

A alimentação dos restaurantes é aquela de restaurantes americanos mesmo (hamburgers, fritas, hot dogs, macarrão com queijo, saladas…), mas o parque permite entrar com comida, inclusive coolers pequenos.

Vale a pena chegar com o parque abrindo, aproveitar os brinquedos e os musicais livres, e aguardar até a Parada no fim da tarde. Quem quiser uma experiência a mais, tem também café da manhã, almoço ou mesmo jantar com os personagens, mas estes são pagos (de $20,00 a $28,00).


Enfim, quem quer dar um tempo na programação de compras, museus e afins pela costa leste, o Sesame Place é uma ótima opção para as crianças menores.
Fica a dica!
Beijocas, Lika

Nuvém de Tags
alegria amamentação Amizade amor avião babá Beleza birra blog Brasil brincadeiras Cabelo campanha cesárea chupeta cinema criança culpa cultura dica dicas emoção escola Família farra Filhos Filme fim de semana gravidez infância Irmãos Lazer Libido livros maquiagem música parto passeio pele programação saudade saúde solidariedade Sono teatro