Logo Blog Mamãe Vai Fazer

Gravidez e gengivite

20131016-145930.jpg

O sorriso das gestantes pode ser comprometido por uma doença bucal bem chatinha, mas fácil de ser evitada, que é a gengivite. Eu, como sou dentista, não passei por isso, mesmo tendo relaxado um pouquinho na escovação, como falei aqui , mas compensava com muita escova e fio dental quando eu tava acordada… 😛

Convidei um colega/amigo muito querido pra falar sobre isso pra vocês! Aproveitem o artigo e tirem todas as suas dúvidas!!!

20131016-151434.jpg

GENGIVITE NA GRAVIDEZ: VERDADES E CUIDADOS
O que é a gengivite?

É uma inflamação que acomete a gengiva, decorrente do acúmulo de placa bacteriana, entre a gengiva e o dente. O não tratamento pode evoluir, em alguns pacientes, para um quadro de perda óssea e cárie, diminuindo a vida útil da estrutura dental. Estima-se que mais da metade da população adulta apresenta sinais de gengivite. Os sinais mais comuns são sangramento, vermelhidão e inchaço gengival.

Gengivite e gravidez.

Gravidez por si só não causa gengivite. Em função das alterações hormonais, ocorridas neste período, a gestante vai responder de forma mais severa ao acúmulo de placa bacteriana, modificando o quadro clínico resultante, podendo apresentar além dos sinais comuns, mobilidade dental. Em alguns casos, a gengiva inflamada forma discretas massas “ semelhantes a tumores”, chamadas de tumores da gravidez. Áreas gengivais, com inflamação prévia à gestação, podem ter seu quadro agravado durante o período gestacional. As alterações clínicas tem início, geralmente no 2 e 3 mês de gravidez, como maior severidade no oitavo mês.

Quanto antes tratada a gengivite, menores a chances de evolução para quadros mais severos da doença periodontal, que alguns pesquisadores acreditam contribuir para nascimento de crianças prematuras e com baixo peso.

PREVENÇÃO E CUIDADOS

O segredo da saúde gengival, esta no controle de placa adequado.

1. A gestante deve realizar uma escovação regular, 3 vezes ao dia, com o uso de fio dental.
2. Durante todo o período de gravidez a mulher provavelmente terá que ir a consulta 1 ou 2 vezes para a remoção da placa bacteriana e é recomendado que elas sejam realizadas no segundo trimestre de gestação, pois as chances de enjôo serão menores e o desconforto do peso da barriga ainda não será muito grande.

CD Marcelo Bastos Nasciben
Especialista em periodontia e implantodontia
Tel (71) 8826-9846 / 3315 -0360
Email: [email protected]

E aí, gostaram? Olha, como dia 25 é dia do Cirugião Dentista, vem um sorteio de brindes MARA da Oral. B. Amanhã eu conto como participar, hein!
Beijos, Lika.

Nuvém de Tags
alegria amamentação Amizade amor avião babá Beleza birra blog Brasil brincadeiras Cabelo campanha cesárea chupeta cinema criança culpa cultura dica dicas emoção escola Família farra Filhos Filme fim de semana gravidez infância Irmãos Lazer Libido livros maquiagem música parto passeio pele programação saudade saúde solidariedade Sono teatro