Logo Blog Mamãe Vai Fazer

Os filhos dos profissionais bem sucedidos

É comum os pais e mães de classe média (principalmente a classe média alta, que se considera a guardiã dos bons costumes da sociedade brasileira) reclamarem do baixo nível de educação do país, e como batalham para dar a melhor educação possível para os seus filhos, sempre ressaltando que a escola ensina e que, quem educa são os pais. zzz

Sobre o papel dos pais em educar, ninguém discorda, obviamente. O que eu quero “desabafar” com esse post é sobre a falácia desse argumento. Porque, na minha opnião, educa-se com exemplos, e não com palavras. Conheço muita gente letrada que não tem um pingo de educação e pessoas sem estudo que são lordes no tratar o outro.

Recentemente vi um colega ser louvado nas redes sociais, por sua competência e pelo brilhantismo profissional, pela família linda que tem, por conseguir ser tudo isso e tão bem. Aí olhei bem o cidadão e lembrei que estava em um aniversario de criança, eu com minhas filhas, ele com os dele. Aí as crianças grandes estavam no pula-pula, enquanto as pequenas esperavam sua vez. Daí acabou o tempo, a moça que coordenava o brinquedo pediu que as crianças saíssem para dar a vez às menores. Minha mais velha saiu, as outras crianças saíram, mas um dos filhos desse individuo se recusava a sair. O pai olhava e ria, enquanto a moça tentava, em vão argumentar com a criança. Esse pai foi incapaz de dizer a sua cria que regras e combinados devem ser cumpridos. Achando tudo muito engraçado, enquanto as crianças menores se amontoavam para brincar, esperou a boa vontade da criança em sair do brinquedo e nada disse a ela. O profissional brilhante é um pai medíocre (na minha opnião), o que já me gera uma antipatia para com o profissional que ele é.

Podia dar mil outros exemplos, como os pais que param em fila dupla na porta das escolas para que seus filhos desçam em segurança, atrapalhando o transito da cidade, mas tudo bem, é rapidinho, eu posso… Pais que exigem cordialidade dos filhos, mas tratam funcionários com grosseria… Enfim. Vamos educar os nossos filhos para serem melhor que a gente, Brasil!!!!

Quando seu filho estiver jogando no tablet nas alturas, mande ele usar o fone, mas você tambem o faça quando for abrir os audios do WhatsApp (cuidado com o gemidão). Quando for atravessar a rua, procure a faixa ou a passarela, principalmente se estiver em companhia dos pequenos. Seja cortês com todos, ajude os menos favorecidos. Quem vê, aprende. O certo e o errado!

Fica a #DicaDaLika.

Boa Semana Santa!

 

 

Nuvém de Tags
alegria amamentação Amizade amor avião babá Beleza birra blog Brasil brincadeiras Cabelo campanha cesárea chupeta cinema criança culpa cultura dica dicas emoção escola Família farra Filhos Filme fim de semana gravidez infância Irmãos Lazer Libido livros maquiagem música parto passeio pele programação saudade saúde solidariedade Sono teatro